quarta-feira, 26 de junho de 2013

Iniciando eu e minha esposa no ménage masculino

Olá depois de muito ler contos a respeito resolvi contar como iniciei minha esposa no ménage masculino.
Podem nos chamar de G.... e L.....
Temos 32 e 34 anos Somos casados a mais de 10 anos e apesar de já ter dois filhos G.... continua cada vez mais gostosa, ela e branca, cabelos ruivos, faz academia todo dia, o tipo mulherão coxas grossas, peitos grandes, e uma bunda que só vendo pra acreditar. Ate dois anos atrás tinha a bucetinha bem apertadinha. Eu e ela namorávamos desde que ela tinha 14 anos, e eu 16, fui o primeiro homem da vida dela, e devido a ela engravidar logo no inicio de nosso namoro, resolvemos nos casar. Ela não tinha experiência nenhuma com sexo, mas desde cedo notei que apesar de eu ser um pouco mais experiente, ela era um vulcão na hora do sexo. Mas era só na hora mesmo, pois ela sempre foi muito recatada, não gostava muito de falar sobre sexo, e sim fazer. Às vezes quando éramos mais novos, eu chegava do trabalho cansado, e a noite depois do banho eu queria descansar e ela não permitia, ficava ate brava se não fizéssemos sexo, quase uma ninfomaníaca, hoje ela me conta, que desde os 11 anos de idade já tinha interesse por sexo, e que as vezes se masturbava 2 ou 3 vezes ao dia quando criança!Eu quando era mais novo era muito ciumento, brigávamos demais, eu não permitia nem que ela usasse roupas coladas, que ela usava quando solteira, calcinhas somente as comportadas, e camisetas compridas ,para esconder a bunda e que bunda!
Mas com o tempo a gente vai amadurecendo e abrindo a mente para coisas novas. Eu desde os 14 anos sempre gostei de ver filmes pornôs com história, tipo para mim não tinha graça filmes que vão direto ao assunto, tinha que ter uma história, ate que notei que eu gostava muito de filmes baseados em traição, mas nunca tinha imaginado fazer algo do tipo, ate que depois de muito tempo navegando na net, descobri os contos eróticos. No começo lia muitos contos de categoria hétero, ate que descobri as categorias corno e ménage, e comecei a imaginar nos dois como protagonistas das historias. Imaginava como seria ver ela com outro, ver aquela bucetinha recebendo o cassete de outro macho, como seria a sensação de vê-la gozando com outro e ver aquela pele branca que ate os 30 anos só tinha sentido a minha pele tocar na dela .Achava que não tinha coragem de fazer nada daquilo que imaginava, ate que comecei a imaginar quando estávamos fazendo sexo e notei que meu prazer aumentava cada vez mais em imaginar, mas ate agora não tinha comentado nada com ela. Mas chegou um dia que resolvi assumir comigo mesmo que eu estava pronto para uma mudança radical em nossas vidas, que eu estava pronto para sentir prazer como jamais havia sentido, ou que estava pronto para vê-la sendo fodida por outro macho com o cacete igual o maior que o meu! Mas como eu iria abordar o assunto junto a ela? Teria que ser de um modo que não estragasse tudo que tínhamos vivido ate agora.
Eu já sabia que ela se tratando de sexo era uma fera na cama, mas também sabia que ela fora da cama era muito puritana, ciumenta não gostava de saber nem que eu via filmes pornô e também fechada pro assunto. Comecei a incentivar ela a se vestir do jeito que ela gostava, com roupas coladas, que destacavam seu maravilhoso corpo, que em um momento atrás resolvi que somente eu poderia saber o que tinha escondido por baixo daquelas roupas, que pedia para ela usar. No começo ela achou estranho eu solicitar que ela voltasse a seu estilo de quando solteira, mas acabou acostumando com a idéia de mudança.
Também comecei a comprar algumas lingeries, tipo tanguinhas, bem pequenas, cintas ligas e pedi que ela usasse para destacar aquele rabo enorme que ela tem. Aí passou algum tempo comentei com ela a respeito de sites de contos eróticos no qual os casais contavam suas aventuras, no começo ela achou meio estranho quando eu lia e mostrava para ela, ela não gostava da idéia de ler aventuras dos outros casais. Aí dei um tempo para ver no que ia dar, passado algum tempo notei que ela começou a fazer perguntas sobre os mesmos, tipo será que eram verdadeiros ou só ficção das pessoas. Conversei com ela e expliquei que alguns poderiam ser ficção, mas a maioria tinha muitos detalhes para não ser verdade. Foi quando ela começou a ler junto comigo a noite quando tínhamos tempo. Notei que cada dia que líamos algum conto de ménage ela ia ficando mais excitada na hora do sexo, mas sempre comentando que achava que era falta de amor entre o casal quando decidiam apelar para isto. E agora o que fazer pensei ? Já tinha atingido alguns de meus objetivos, fazê-la mostrar interesse pelo assunto agora precisava mostrar para ela que era apenas um jeito de apimentar a relação, falei também que em minha opinião seria uma forma de o casal fortalecer o amor para mostrar confiança um no outro. Assim ficamos um bom tempo a conversar a respeito sobre os contos. Mal sabia ela que eu estava louco para ver ela levando cacete naquela bucetinha e naquela bunda que ate então só tinha sentido a sensação de sentir um cacete na vida dela.
Resolvi que deveria começar a falar sobre isto em nossas transas, falava que era pra ela imaginar nos dois no lugar das pessoas dos contos, a única coisa que notei resistência da parte dela foi quanto a incluir uma mulher em nossos momentos. Mal sabia ela que na verdade eu sonhava o contrario mesmo.
Então ficou decidido que só brincaríamos de imaginar contos no qual o parceiro seria homem, mas ela também deixou claro que só na imaginação!
Depois de um tempo brincando decidi na hora que estávamos fazendo amor comentar sobre os contos e perguntar, se ela não gostaria de sentir desejado por outros homens, e se ela não gostaria de se exibir para outros, mostra sua linda bucetinha para outros verem,
Ela me perguntou se eu teria coragem de exibi-la e também se não seria perigoso se expor. Falei para ela que poderíamos fazer via internet com webcam bastava não mostrar o rosto, ela pensou e aceitou.
Fiquei muito contente e também excitado em imaginar que finalmente eu ia conseguir mostrar meu mulherão para outros machos verem seus atributos.
Conversei com ela e dei a idéia de tirarmos algumas fotos dela apenas de lingerie para criarmos uma conta em um site de anúncios, e ela topou, tiramos algumas fotos e procuramos um site para casais exibicionistas, fizemos nosso cadastro e postamos suas fotos e nosso anuncio como casal. No primeiro dia já recebemos vários emails de homens e casais interessados em nos conhecer na web e pessoalmente. Adicionamos alguns solteiros para conversarmos e assim a iniciei no exibicionismo.
Adorava vê-la teclando com outros machos em quanto eu ficava ao seu lado vendo sua excitação com as conversas dos outros homens lhe elogiando, pedindo para ela mostrar os peitos na webcam e também sua bucetinha, em quanto eu ficava ao lado dela muito excitado.
Muitas vezes chegava a gozar só olhando ela se masturbando com os dedinhos enfiado na bucetinha ou no cuzinho a pedido dos outros machos! Ela também estava gostando muito de se exibir para outros e as vezes gozava muito junto deles na câmera em quanto eu assistia tudo. Depois de alguns meses se exibindo quase todo dia na câmera e recebendo algumas propostas de encontro real, começamos a conversar sobre o assunto. Eu perguntei a ela se não estava na hora de partirmos para outro nível se já não estávamos prontos para transformar nossas fantasias em realidade, e ela me perguntou se eu teria coragem de ver ela com outro se eu não sentiria ciúmes na hora, aí eu respondi que não, pois sabia que era só uma fantasia que confiava nela e que nada mudaria entre nos, ao contrario iria fortalecer ainda mais nossa relação de cumplicidade e serviria para mostrar para nos que nosso amor e muito forte!
Ela me pediu um tempo para pensar, e eu aceitei! Passou alguns dias e ela veio conversar comigo que tinha pensado e aceitaria, mas teríamos que escolher bem o parceiro pois ela e muito exigente e também por sigilo total que prezamos! Feito eu estava tão feliz que finalmente ia realizar o que fantasiávamos a tanto tempos, que finalmente ia ver aquela pele branquinha sendo amaciada e acariciada por outro homem, que logo aquela bucetinha estaria recebendo um cacete bem lá no fundo do jeito que ela gosta e que se tudo desse certo seria uma ótima mudança em nossas vidas! Resolvido fomos à busca do escolhido o homem de sorte que seria o segundo a provar minha delicia! Pesquisamos bastante nos cadastramos em mais sites de casais, conversamos bastante com vários pretendentes via MSN, procurávamos alguém com experiência com casal pois como éramos iniciantes não queríamos nada de apressados em sair logo de cara e também queríamos algum aqui do sul mas não de nossa região (canoas Rs)! Acabamos encontrando um amigo em um dos sites que nos interessou, vou chamado de S., no seu perfil fala que era muito experiente que tinha 35 anos e era de porto alegre, também olhamos suas fotos e tinha a maioria com casais.
Entramos em contato com ele e conversamos algum tempo somente via mensagens sem webcam. E ela gostou do perfil e da conversa, às vezes ficavam os dois conversando ate altas horas da madrugada no MSN por mensagens, eu chegava a dormir e ela continuava a teclar depois no outro dia eu lia as conversas dos dois. Era impressionante ler a conversa e ver que cada dia que passava ela se soltava mais nas conversas a ponto de escrever coisas do tipo, estou com uma tanguinha bem pequenina atolada da bunda, estou morrendo de tensão bem molhadinha, não vejo a hora de você me chupar todinha e me fazer gozar muito em sua boca, e ele também falar assim, ta louca para sentir meu cacete em sua bucetinha linda é, estou louco pra te comer na frente de seu marido, será que ele deixa eu comer seu cuzinho, e ela respondia eu quero mas tem de pedir para ele, será que ele abre sua bucetinha pra eu meter meu cacete nela?
Eu cansei de acordar com ela teclado com ele com uma de suas mãos dentro da calcinha, acho que imaginado tudo que ele falava, eu ficava com muito tesão em ler tudo! Agora só faltava a decidir o dia. Um dia estou lendo meus emails e recebo um email dele me pedindo se eu liberava a ele comer o cuzinho dela, e eu falei se ela topar eu deixo, aí ele falou ela topa falou que só depende e você, aí eu falei então vai ter que comer bem comido para eu ver ela chorar dando aquele Rabão dela, ele disse pode deixar vou começar com carinho mas depois vou fazer ela gozar bem gostoso! Agora só faltava ela decidir a data em que eu ia me tornar um dos homens mais feliz do mundo vendo sua esposa fuder gostoso com outro homem em sua frente. Só quem já pode presenciar pode saber a sensação maravilhosa que e ver a mulher que você ama tendo prazer olhar nos olhos dela em quanto ela e bem fodida na bucetinha. Chegou o dia recebi um email dela, para apimentar mais ainda me mandou por email a data que tinha marcado e como ela tinha decidido que ia ocorrer!
Segue narrado o conteúdo do email dela!
Já decidi como vai ser o nosso encontro com o S, e já combinei com ele que será assim, primeiramente eu vou estar vendada, deitada na cama, só de tanguinha e sutiã de costas com a bunda bem empinada ,ai você pede pra ele passar um óleo de morango no meu corpo todo,depois você manda ele massagear a tua mulherzinha e acariciar e beijar dos pés até a cabeça, e você fica só olhando,depois quero que ele puxe minha tanguinha pro lado e meta dois dedos em minha bucetinha e depois chupe bastante ate eu gozar muitas vezes ai eu virarei de barriga pra cima pra ele chupar meu Grelinho de frente, depois ele deita e eu começo a chupar ele , depois com ele deitado eu coloco a pau dele na minha buceta e começo a cavalgar em cima dele ate eu gozar, e depois você vem devagar passa o gelzinho no meu cuzinho pra você meter, ele fica na bucetinha e você no cuzinho ao mesmo tempo , e depois que você já tiver aberto o caminho no cuzinho com carinho você manda ele vir e me pegar por traz e comer o meu cuzinho bem gostoso que estou louca pra dar pra ele.
Quase enlouqueci de tanto tesão ao ler o email dela. Decidido a data marcamos de se encontrar em um shopping de porto alegre antes de sair para vermos se era a mesma pessoa do site! No dia do encontro ela nem quis ir trabalhar para se produzir para o encontro, quando cheguei em casa ela vestia uma calça de expandex preta que eu havia comprado para ela bem colada na frente destacava a bucetinha e atrás atolada como se estivesse sem calcinha dividindo aquele rabão ao meio, a tanga só pude ver ao chegarmos ao motel, e uma bota de salto alto! Partimos para o local combinado, no caminho olhávamos um para o outro com um misto de medo, e tensos acho que e normal na primeira vez, mas cada vez que comentávamos a respeito sentia que ela estava muito excitada coloquei a minha mão em sua bucetinha e senti que estava muito quente, parei para pensar se realmente esta pronto para ver a mulher da minha vida sendo possuída por outro homem, pensei em tudo que passamos juntos e quantas vezes briguei com ela por ciúmes e agora estava levando ela para entregar de bandeja para outro homem poder provar aquela bucetinha que ate aquele dia só tinha provado um cacete na vida, e assistir ela gozar daquele jeito que eu conheço ou até mais. Sim eu estava preparado para entrar de cabeça na fantasia estava preparado para dividir minha esposinha com outro e vê-la tendo muito prazer e me dando prazer!
Chegando ao shopping no horário combinado liguei para o amigo e ele falou que estava no estacionamento subterrâneo e nos estacionamos no 3º andar, falei para ele que nos encontraríamos na praça de alimentação e ele disse ok me falou como estava vestido para eu o identificar e que qualquer coisa nos localizaríamos via celular. Na hora que parei o carro uma surpresa, ela me disse que ficaria no carro e eu deveria descer e ver se aprovava o nosso amigo e combinar o restante pois ela estava com vergonha, realmente me esqueci deste detalhe ela também e muito envergonhada para conversar com estranho!
Aceitei desci do carro e lá fui eu ao encontro do nosso amigo, chegando na praça de alimentação onde aviamos marcado não o localizei aí liguei para ele e falei que já estava ali e que ela preferiu ficar no carro, ele disse que tudo bem e já estava me enxergando de longe, eu fiquei meio tenso mas que ta na chuva e pra se molhar! Ele chegou me cumprimentou como amigos e sentamos em uma mesa para conversar, ele viu que eu estava tenso e me tranqüilizou dizendo que era normal na primeira vez estar meio tenso tanto eu quanto ela, aí conversamos sobre ela por uns 15 minutos e combinamos que eu iria ate o nosso carro e falaria para ela que era a mesma pessoa e que se ela ainda estivesse decidida ligaríamos para ele do estacionamento e nos iríamos para o motel primeiro em nosso carro e depois ele iria no carro dele! Chegando no carro ela me olhou de longe e deu uma risadinha com cara de safada e perguntou se era ele?
Eu disse era sim, aí ela disse e aí vamos ou não vamos eu perguntei, você esta pronta? E ela disse sim, mas você também tem que estar, eu disse então vamos.
Saímos para um motel muito bom que tem perto do shopping e ao chegar ao quarto liguei para nosso amigo e avisei que estávamos esperando ele no motel, e ele disse já estar a caminho, também avisei na recepção que estávamos esperando um amigo que quando chegasse nos avisassem!
Entramos no quarto eu e ela, e comecei a arrumar as coisas que ela avia levado, ela levou muitos géis e cremes e óleos de massagens, também levamos a maquina fotográfica e filmadora! Nisso tudo ela continuava vestida deitada na cama me olhando com uma carinha de felicidade e safadeza que era um tesão maior ainda! Eu imaginava que dentro de alguns minutos ela estaria sendo possuída por outro, comigo ao seu lado incentivando-a!
Ai toca o telefone, era a recepcionista avisando que nosso amigo avia chegado, solicitei que ela mandasse ele entrar com o carro, tive que sair do quarto para abrir o portão eletrônico pois a garagem da suíte era para dois carros com controle! Desci do quarto e abri o portão e nosso amigo entrou, desceu do carro e subiu junto comigo pro quarto! Ao chegarmos ao quarto tive uma surpresa! Eu havia deixado ela vestida no quarto, e quando entramos o quarto estava à meia luz, e la estava ela já deitada só de tanguinha com a bunda virada pra cima e com os olhos vendados! Que visão maravilhosa tanto eu quanto nosso amigo, ficamos de boca aberta vendo aquilo! Ele foi para o banheiro tomar uma ducha e eu fiquei sentado esperando!
Ele voltou como uma toalha enrolada na cintura e como já havia combinado com ela perguntou sobre o óleo de morango, mostro a ele a aí meus amigos começo a narrar a sensação maravilhosa que eu provei!
Ele começou largando pequenas gotas de óleo nos ombros e, nas costas dela e eu só olhando e filmando aí ele massageou toda região do pescoço e costas dela bem lentamente, depois pegou novamente o óleo e pingou em suas coxas e na enorme bunda dela, ate aí eu já estava quase louco imagina agora? Aí ele começou a espalhar o óleo pelas coxas e ao massagear vinha espremendo as nádegas cada vez que passava na bunda dela, notei que ela começou a ficar com a respiração um pouco ofegante enquanto ele massageava sua bunda, também notei que em alguns momentos ela alterava a respiração, e percebi que cada vez que ele passava na região da curvinha entre a bunda e a coxa seus dedos deslizavam ate o meio da sua bucetinha por cima da tanguinha e ela estava adorando! Foi quando em certo momento percebi que ao passar na mesma região entre e coxa e a bucetinha ele deu uma afastada na tanguinha e passou o dedo direto na entrada da bucetinha e ela deu um suspiro bem mais forte e gemeu baixinho!
Imaginem eu o vendo passar os dedos em sua bucetinha e ela gemendo bastante? Logo em seguida ele passou com as duas mãos naquela parte e com uma afastou a tanguinha pro lado e com a outro introduziu dois dedos direto na bucetinha dela e ela deu um suspiro maior ainda e começou a dar umas reboladinhas cada vez que ele metia os dedos lá dentro. Ate que depois de um tempo ele puxou totalmente a tanguinha dela pro lado e caiu de boca na bucetinha e ela não se agüentou e gemeu mais alto, a estas alturas eu já estava com meu cacete não mão me masturbando e curtindo muito o momento também! Ele chupava a bucetinha dela como se fosse entrar com o rosto para dentro dela e ela rebolando e gemendo, sempre com a venda nos olhos! Em certo momento vi que sua respiração aumentou seus gemidos se elevaram, era seu primeiro orgasmo na boca de outro homem e foi bem longo!
Depois de muito chupá-la de costas ele pediu para ela virar de barriga para cima e ela obedeceu. Aí ele começou a chupá-la de frente, ela chegava a levantar o quadril e rebolava para sentir sua língua mais funda ainda!
Já ele parecia que ia arrancar seu grelo fora de tanto chupar, em certo momento ela me chamou ainda vendada e pediu para me chupar em quanto era chupada por ele. Nossa não acreditei no que estava ouvindo, na mesma hora peguei e dei para ela mamar e que mamada, a cada chupada dele ela gemia com meu cacete na boca! Imaginem a visão ela me chupando e eu olhando para baixo ela com as suas pernas bem abertas rebolando o quadril na boca dele. Mas teve outro momento que me chamou a atenção, sempre que em casa eu acariciava sua bucetinha com minhas mais eu metia no máximo um dois dedos dentro de dela, e lá no motel ela estava tão molhada com ele chupando que quando percebi nosso amigo estava com quatro dedos enfiados dentro dela e bucetinha aceitava de sobra! Que tesão velo enfiar os dedos e chupar ao mesmo tempo a bucetinha dela! Em certo momento ela começou a gozar e parecia que não ia parar mais, ela gemia rebolava e dava gritinhos histéricos, eu acho que ela teve mais de seis orgasmos seguidos na boca dele!
Aí depois ela pediu para ele parar que ela também queria chupá-lo, ele mais que pronto atendeu! Ela mamava e salivava e babava muito no pau dele!
Olhei aquela cena e pensei lá se foi a minha boquinha virgem, ela chupava vendada mesmo com uma vontade que o nosso amigo quase gozou de cara, e pediu para ela ir com calma e ela reduziu a velocidade! Em certo momento ela me pediu para que eu a chupasse em quanto ela chupava nosso amigo, imagina se eu ia negar um pedido destes. Cai de boca nela em quanto ela chupava nosso amigo e ela gozou na minha boca mais algumas vezes.
Aí chegou o momento ela o mandou colocar a camisinha. Em segundos a mulher que era só minha estaria sentindo o sabor de outro cacete em sua bucetinha depilada! Nosso amigo colocou a camisinha em seu cacete que por sinal não era muito grande nem pequeno apenas um pouco maior que o meu e foi em direção a bucetinha dela deu algumas pinceladas na entrada em cima o grelinho fazendo ela implorar para ele meter logo e foi metendo aos poucos. Eu vi sumindo cada centímetro dentro da minha querida bucetinha a medida que ia entrando ela ia suspirando como se estivesse voltando do fundo do mar depois de um mergulho, quando entrou tudo eu já tinha quase gozado sem nem me tocar de tanto tesão! Aí depois de entrar tudo ele começou um vai e vem bem lento, vi naquele momento que aquela bucetinha suportava tranqüilo aquilo e muito mais, pois eu olhando de cima vi que os lábios da bucetinha se abriam para receber seu novo cacete, parecia uma boca sugando com vontade aquele cacete ela rebolava por baixo enquanto era estocada por cima, eu não perdia um lance filmando e fotografando tudo. Ele entrava e saia bem lentamente, ela chegava a soltar fluidos de dentro da bucetinha. Foi quando ela que ate agora não tinha nem visto o rosto e nem falando nada ainda com nosso amigo pessoalmente soltou uma pequena frase que me lembro todo dia! METE COM FORÇA, MAIS FORTE!
Aí eu não acreditei, meu sonho estava se realizando minha esposinha estava realmente adorando fuder com outro e eu ali ao lado dela vendo tudo!
Ele deu algumas estocadas não resistiu ao pedido e gozou! Aí ele pediu uma pausa e foi ao banheiro, neste momento ela de vendas nos olhos anda disse vem agora e você vem! Eu peguei meu cacete e enterrei naquela bucetinha que já não era mais a mesma, eu adorei meter nela depois de ser usada por outro eu chegava a sentir que parecia que ela estava mais funda e largo que o normal uma delicia, dei algumas estocadas naquela bucetinha e gozei muito lá dentro percebi que ela estava mais gostosa do que nunca! Esperei nosso amigo sair do banho e como ela não queria tirar a venda dos olhos, e guiei ela ate o banheiro e tomamos uma ducha junto! Voltamos do banheiro eu guiando ela, e a larguei na cama para nosso amigo!
Vocês vão notar que já não cumpríamos mais o script como combinado anteriormente, por que o tesão era demais!
Fui ao banheiro depois de largar ela na cama e quando volto nosso amigo esta chupando ela novamente, sempre com a venda! Desta vez ela mais solta gemia mais alto, ate que disse quero que ele me coma de quatro em quanto te chupo! Achei uma delicia ela estar tomando as rédeas da situação falar o que realmente quer! Então deitei e enquanto ela me chupava ela e a estocava bem fundo! Foi aí que ela começou a gritar um pouco mais alto e pedir mais forte nosso amigo estocou por um bom tempo ate que ela começou a gozar no cacete dele e ele não parava de estocar, imagina eu olhando nos olhos dela em quanto ela de quatro recebendo muitas estocadas no fundo da bucetinha, desta vez quem não resistiu foi eu, gozei novamente aí sai de baixo para continuar a filmar ela gozando gostoso, teve um momento da gravação que fui filmar bem em cima enquanto ele estocava sua bucetinha de quatro e vi que ela já tinha tomado tantas estocadas que sua bucetinha estava vermelha como uma maçã e chegava a pingar de tanto gozar eu adorei este momento.
Ate que nosso amigo gozou segurando ela bem forte pelo quadril. E foi para o banho enquanto eu olhava para ela toda suada e sua bucetinha parecia um marisco daqueles bem grandes abertos! Já passava de três horas que estávamos no motel e ela ficou muito cansada e resolveu dispensar nosso amigo, que apesar de não termos feito tudo como combinado, e ele aceitou numa boa e se despediu agradeceu a oportunidade de nos conhecer e iniciar ela elogiou a bucetinha dela disse que era bem apertadinha, só lamentou não poder ver os olhos dela, pois era umas das coisas que eles tinham combinado antes.
Ele foi embora e nos dois ficamos o restante do tempo no quarto, assim que ele saiu ela tirou a venda, seus olhos estavam radiante ela me beijou e eu agradeci a ela pelo momento de prazer e ela também me agradeceu e disse que adorou experimentar outro cacete, e também disse que esperava que aquele fosse o primeiro de muitos que ela experimentasse! Fiquei novamente com muito tesão e deitamos na cama e novamente estoquei aquela ex bucetinha bem larguinha e usada, que a partir daquele dia chamaria de buceta, ao menos ate acharmos alguém bem mais dotado para alargarmos mais ainda!
Esta foi a nossa primeira aventura, se gostarem comentem, e em breve estarei postando nossas outras que já tivemos, inclusive a primeira vez que ela fez anal e DP vaginal com outro amigo que também conhecemos na web!
Um abraço

Nenhum comentário:

Postar um comentário